Gustavo Valério

O Poeta Soturno

✑ Poeta & Presa

O tempo apressado
está me matando
torna-me cansado
deixa-me arrastando

✑ O Vazio da Saudade


Não te disse que logo passaremos
e nenhuma lembrança restará?
Não te disse que logo assumiremos
que essa nossa distância aumentará?

✑ A Traição

A traição em tua porta bateu
e três vezes, o teu corpo, invadiu;
perfurou-te na noute à sangue frio,
pintou o chão de vermelho e correu...

✑ Alta Tensão

A vida é bandida; bandida e tensa
que eletriza o pulsar do coração
alimentando a mais alta tensão
decretando os fatos como sentença.

✑ O Poeta e a Lua

Jão Cínico de Alagoas
um poeta diferente
escrevia poesia
ficava todo contente
quando alguém lia seus textos
arranjava alguns pretextos
para ficar sorridente.

✑ Modelo Inconsciente

Todo o céu está sangrento
chove sangue nos humanos...
São tempos diluvianos...
É preciso engajamento...

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *