Gustavo Valério

O Poeta Soturno

✑ Poema Poético?

Enganados pela pareidolia
também de quase tudo que é estético;
ignorantes quanto ao mundo sintético
pois noss'alma tem paraparesia.

Pela aparência temos frenesia
amamos aquilo que é hipotético
imaginário, vil ou teorético:
os fatos nos causam alestesia.

Logo estupramos tudo o que é noético,
focando somente no que é atlético
nessa cultura de poliquesia.

Nem tudo aquilo que é poético, é ético,
nem tudo que é ético, é energético
e nem todo poema é poesia.

Gustavo V.S Ferreira
17/08/2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *